Pesquisar






Turma de 57 comemora Jubileu de Ouro em Itajubá

10/09/2007

Dentro de um clima de companheirismo, camaradagem e de recordações dos tempos de estudante, a turma de 1957 comemorou seu Jubileu de Ouro de formatura com intensa programação em Itajubá. Os eventos, coordenados pelos ex-alunos Fredmarck Gonçalves Leão, Joaquim Carlos Masseli Barbosa e Guido Iberê Pereira Rennó, tiveram início no dia 7 de setembro com a realização de um churrasco na casa de campo de Guido Rennó, na Vila Maria (Piranguçu). No sábado, dia 8, os ex-alunos e familiares estiveram no Prédio Central da UNIFEI, local onde estudaram na época de IEI. Ali, descerraram uma placa contendo o nome de todos os 32 engenheiros daquela turma. Em seguida, reverenciaram a memória do fundador da instituição, Theodomiro Carneiro Santiago, colocando uma coroa de flores em seu Mausoléu. Posteriormente, visitaram o Campus da UNIFEI, tendo sido recebidos pelo Reitor Prof. Renato Nunes no auditório Professor João Luiz Carneiro Rennó, que lhes apresentou os principais projetos em andamento na UNIFEI. Ali também foi prestada homenagem ao Prof. Álvaro Pereira Rizzi, seguido de pronunciamento emocionado do orador da turma, Antônio da Silva Lima (Braz), que classificou aquele momento como histórico. Em sua fala o orador ressaltou as diversas características dos antigos professores e afirmou: ?os anos passados em Itajubá e na Escola foram os mais decisivos de nossas vidas?. Disse ainda que a instituição tinha uma marca devido ao estreito relacionamento dos alunos com os professores: ?Eram mestres dedicados, zelosos e de singular simpatia?. Ainda no Campus, com a participação de viúvas de alguns dos colegas falecidos, os ex-alunos prestaram homenagem a estes colegas, com o plantio de uma muda de Sapucaia, árvore típica da Mata Atlântica e que deu origem ao nome do rio que corta Itajubá, o Sapucaí. A turma e seus familiares seguiram para o Colégio Bem Me Quer para um almoço de confraternização. A programação se encerrou com um jantar nas dependências do Hotel de Trânsito do 4o. Batalhão de Engenharia e Combate Pontoneiros da Mantiqueira.

Voltar